Disney na pandemia: veja como ela tem enfrentado esse período

Como a Disney na pandemia manteve os lucros e suas atividades? Com criatividade e inovação! 

Acima de tudo, a Disney é uma referência mundial em inovação, principalmente quando falamos sobre o encantamento dos convidados por meio das incríveis experiências no parque, nos filmes, em seus desenhos.

Dessa forma, o serviço de streaming Disney+ alcançou mais de 100 milhões de assinantes em março de 2021. O marco foi atingido após 16 meses do lançamento da plataforma de streaming.

Vale lembrar que as projeções iniciais eram de atingir este número apenas em 2024. Ou seja, a marca conquistou em meses, o que a Netflix levou anos para alcançar.

Além disso, o serviço recebeu um impulso adicional, graças ao lançamento de “Hamilton” (um dos pais fundadores dos EUA) no fim de semana de 4 de julho. E, claro, a pandemia do novo vírus acelerou o crescimento de alguns serviços de streaming.

Da mesma forma, a Disney tem apostado em conteúdos originais dos seus estúdios e se destacado pela quantidade de diferenciais tecnológicos, como resolução 4K, suporte a HDR e Dolby, além da compatibilidade com diversos dispositivos de reprodução.

Cursos: agora online

Disney na pandemia: como ela tem enfrentado esse desafio?

A princípio, com o fechamento dos parques, cruzeiros e outros serviços presenciais, o mercado projetava um prejuízo de 64 centavos de dólar por ação no trimestre encerrado em junho de 2020.

No entanto, contrariando essas projeções, foi atingido um lucro de 2 centavos de dólar por ação, segundo a revista Veja.

A empresa também anunciou que “Mulan” e “Cruella” seriam lançados no Disney+ como um título de “acesso premium”, que custaria um adicional de US$ 29,99. 

Apesar de arriscado, essa ousada inovação no modelo dos serviços de assinatura traz uma nova experiência para o público que ainda não pôde voltar às salas de cinema. 

Enquanto isso, nos parques recém-abertos gradualmente continua a inovação permanente, mesmo em tempos de pandemia.

“Mesmo com a interrupção causada pela Covid-19, fomos capazes de administrar nossos negócios com eficácia, ao mesmo tempo em que tomamos medidas ousadas e deliberadas para posicionar nossa empresa para um maior crescimento a longo prazo”, disse o presidente-executivo da Disney, Bob Chapek.

Só para exemplificar, confira a criatividade em um simples dispensador de sabão para os convidados neste vídeo, trazido com muito carinho para você:

A inovação e criatividade são a chave para superar as adversidades

Por fim, você se lembra quando foi a última vez que fez alguma coisa nova na sua empresa? 

A inovação na Disney é constante mesmo em tempos de crise e esse é um dos seus diferenciais de sucesso: a busca pela excelência contínua.

Confira mais conteúdos sobre inovação e criatividade Disney em nosso blog! Descubra porque todos na Disney se agacham para falar com as crianças e como aplicar a magia Disney em sua empresa.

David Lederman é presidente da Lederman Consulting & Education e organizador dos Workshops Oficiais do Disney Institute no Brasil. 

Fundador da Escola Nacional de Qualidade de Serviços (ENQS), Professor na Fundação Vanzolini no Curso de Especialização em Administração de Serviços – CEAS e Professor no MBA em Administração, Finanças e Geração de Valor na disciplina “Excelência em Serviços e Fidelização de Clientes” da PUCRS.

Para saber mais sobre Qualidade de Serviços Disney e Inovação e Criatividade Empresarial Pixar, veja nossos cursos presenciais no Brasil e em Orlando: Clique aqui.

Para saber mais sobre a metodologia de como transformar sua empresa num negócio “age friendly” (amigável ao idoso) entre em contato conosco: faleconosco@ledermanconsulting.com.br

Aplicando na Prática o Jeito Disney de Encantar Clientes: agora online. Consulte a data na agenda.

Lições de Criatividade Estilo Disney/Pixar: agora online. Consulte a data na agenda.

 

banner-horizontal